Conselho Nacional do Aşè Efon - CONAE

Você está em: Início

Conselho Nacional do Aşè Efon - CONAE

Como se filiar ao CONAE

Imprimir PDF

- Como posso me filiar ao CONAE?

Existem duas formas de Filiação: Por Casa de Candomblé, e individual.

Os interessados deverão acessar esta página, e preencher os dados constantes do formulário.

Após o preenchimento, será enviado um e-mail marcando uma visita dos representantes do CONAE, para apresentação da documentação de filiação.

Outra forma de filiação é entrando em contato conosco, via telefone (21) 2699-6970, e agendando uma ida a nossa sede para preenchimento de formulário impresso e formalização da Filiação.

- Quais são as vantagens de ser filiado ao CONAE?

Filiado ao CONAE você e sua Casa de Candomblé serão reconhecidos pelo Asè Oloroke Pantanal, como pertencentes à Nação Efon.

Sabemos que sua casa já faz parte da Nação, desde o momento da Fundação dela, mas o que queremos agora, é documentar esse fato. Além disso os filiados terão descontos nos eventos promovidos pelo CONAE, como palestras, simpósios, entre outros.

- OBSERVAÇÃO IMPORTANTE: Se o seu Ile Asè não possui registro (CNPJ), nós ajudamos na legalização, e até lá emitimos uma Carta de Autorização de Funcionamento. Com isso sua Casa poderá desenvolver todas as funções com a transparência da Lei.

A Filiação individual, só existe até o momento para Cargos (Sacerdotes, Ogans e Ekedjis), mas futuramente faremos a filiação para qualquer iniciado no Candomblé. Ressaltamos que a Filiação ao CONAE é gratuita e voluntária e nossos diretores não são remunerados. 

 

Fundação do CONAE entra para a História

Imprimir PDF

 15442212 311337735927457 4302708909006530118 nO dia 11 de dezembro de 2016 entrará para a história do Candomblé brasileiro, com a fundação do Conselho Nacional do Aşé Efon (CONAE), na casa mais antiga da nação, o Aşé Oloroke Pantanal.Várias lideranças do Oloroke estiveram presentes para participar e prestigiar esse momento com a matriarca, Mãe Maria de Şangò, que vê o conselho como uma forma de união do Candomblé Efon para a preservação de sua identidade histórico-cultural. Como a própria Mãe Maria diz: "Não queremos dizer qual casa está certa ou errada. Nem mandar no aşé de ninguém. Esse conselho é para documentar a nossa história e garantir a nossa identidade. É um espaço para todos do Aşé Oloroke". 

O Evento contou com a presença do Ilustre Ogan Gilberto de Eşù, filho de Diniz D'Oşun, e neto de Sr. Valdomiro Baiano (in memorian). Ogan Gilberto emocionou a todos com um momento de louvor a Ogun, Oşun e Sango, e se mostrou a disposição do CONAE para colaborar no projeto de unificação.

Outra presença marcante foi a do Exmo. Sr. André de Oliveira, Secretário de Cultura do Município de Duque de Caxias, figura importante no processo de tombamento do Aşè Oloroke Pantanal.


Logo após a fundação do CONAE, o Asè Oloroke Pantanal deu início ao Festival de Yemonjá. Outra festa que também ficará na história.

Texto de André Prado.

Tombamento do Ile Ogun Anaeji Igbele Ni Oman

Imprimir PDF

logo ase1

    Há anos, a Iyalorisà Maria de Xango vem lutando pela perpetuação do Ile Ogun Anaeji Igbele Ni Oman (Asè Oloroke Pantanal), e foi em 2016, num evento realizado pelo Afoxé Raiz de Verdade, em Duque de Caxias, que o sonho de iniciar o Tombamento do Asè saiu do papel. Por iniciativa do Secretário de Cultura de Duque de Caxias, Sr. André de Oliveira o processo começou a ser formado por uma Comissão, em Conjunto com a Ekedy Margarida de Osun, e foi levado para aprovação do Conselho de Cultura de Duque de Caxias, após a aprovação do Conselho, no dia 27/12/2016, o Exmo. Sr. Prefeito Alexandre Cardoso, assinou o Decreto nº 6737/2016 que reconhece o ILE OGUN ANAEJI IGBELE NI OMAN como Patrimônio Histórico Material do Município de Duque de Caxias - RJ.

  Com o tombamento o Asè Oloroke Pantanal passará a fazer parte do Mapa da Cultura Afro de Duque de Caxias, e o Museu Cristóvão Lopes dos Anjos terá visitas permanentes para adeptos e interessados na História da Nação Efon. 

  Essa é a primeira de muitas conquistas da parceira CONAE/Asè Oloroke Pantanal, em prol da Nação Efon e em prol dos Omo Efon. Awure!

 

 

 

Copyright © Conselho Nacional do Aşè Efon - CONAE 2019